IIoT: Alavanca para o Crescimento

Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

Ultimamente o mundo industrial tem ouvido falar em novos modelos de negócios híbridos, na necessidade de exploração de tecnologias inteligentes para estimular a inovação e na transformação de força de trabalho, numa nova abordagem que une os mundos físico e digital, sem a qual é possível que muitas empresas não mais sobrevivam daqui a uma década ou duas.

Por outro lado, é provável que o IIoT seja uma sigla desconhecida para grande contingente de pessoas, incluindo internautas experientes, acostumados com as novidades do mundo digital. Assim, vale explicar a sigla IIoT - Industrial Internet of Things - Internet das Coisas na Indústria, e vem sendo anunciada principalmente como uma forma de melhorar a eficiência operacional. No ambiente de hoje, as empresas também podem aproveitá-la como uma ferramenta de crescimento em oportunidades inesperadas, mas no futuro, as companhias de sucesso vão usar a IIoT para crescer de novas maneiras.

O fato é que a internet das coisas na indústria é uma grande tendência, com consequências significativas para a economia global, já que, de acordo com a Oxford Economics, atinge setores que representam 62% do PIB dos países do G20. A IIoT inclui manufatura, mineração, agricultura, petróleo, gás, serviços públicos e também empresas que dependem de bens duráveis para seus negócios, como as que administram hospitais, armazéns e portos ou que fornecem serviços de transporte, logística e saúde.

Assim, não surpreende que o retorno potencial da IIoT seja enorme. Estimativas independentes mais conservadoras preveem gastos de até 500 bilhões em 2020 e outras, mais otimistas, chegam até 15 trilhões de dólares do PIB global, até 2030.

A eficiência operacional é um dos principais atrativos, e os primeiros a aderir estão de olho nessas vantagens. Com a introdução da automação e técnicas de produção mais flexíveis, os fabricantes poderiam conseguir um aumento de produtividade de até 30%, diz o líder de estratégia digital da Accenture, Ricardo Chisman.

Porém essa história tem muito mais elementos. Embora as empresas estejam vendo e começando a aproveitar a IIoT como estratégia de eficiência operacional, ela também oferece grandes oportunidades de lançamento de novos produtos e serviços digitais para quem fabrica equipamentos e produtos, gerando novas fontes de renda que vão melhorar tanto as vendas quanto os lucros.

Ao mesmo tempo, há oportunidade real de aumento de receitas para proprietários e operadores de equipamentos, como empresas em setores de processamento. Por enquanto, nesta fase de nascimento da IIoT, os fabricantes procuram as opções mais imediatas, melhorando os serviços de manutenção e reparos já existentes.

Algumas pioneiras, como a General Eletric, a Michelin, a Virtual Radiologic Corp e a ZF Friedrichshafen AG, estão dando um passo à frente e usando a IIoT de forma menos convencional, para ajudar seus clientes. Essas empresas são exemplos inspiradores, mas é importante reconhecer que a IIoT oferece formas radicalmente novas de fazer produtos e pensar sobre eles e de operar ativos e instalações. Muitas empresas começam a fazer a transição agora, e pode não ser fácil num primeiro momento. No entanto, quem hesitar pode ser ultrapassado rapidamente pelos concorrentes atuais e novos entrantes.

Fonte - Revista Harvard Business Review

Finance365 Família de Parceiros

Finance365 traz ao mercado, uma nova mentalidade sobre Governança e Gestão Empresarial. Nossa meta é apresentar aos clientes como aumentar seus lucros através de boas práticas na Governança Corporativa, com crescimento sustentável.

Atendimento Especializado

Miramar, Flórida, USA

Alphaville - Barueri

Email: contato@finance365.net.br

Fax: +55 11 2680-5094

Webistewww.finance365.net.br

Depoimentos


"Ficamos surpreendidos positivamente com a qualidade das respostas, vale a pena !"
Cleber Oliveira - Advanced Consultores
"Deixe seus comentários sobre o uso de nossa aplicação."
Administração - Gestão Canal da Governança
"Governança está nos apoiando a ver o negócio de outra forma, mais racional e objetiva."
Moacir F Teixeira - ECOAGRO